Condomínio: saiba como aproveitar o Carnaval sem se descuidar da segurança

Quem pretende viajar no Carnaval deve tomar alguns cuidados quando deixar a casa desocupada. Nesta época, síndicos e funcionários e moradores devem ficar atentos à segurança do condomínio.


04/02/2010 00h00

"O proprietário não deve deixar as chaves na portaria. Se houver necessidade de disponibilizar as chaves para alguém, é mais seguro entregá-las a um vizinho de confiança", afirmou a gerente de condomínio da Itambé, Vânia Dal Maso.

Os aparelhos elétricos devem ser desligados da tomada, para evitar incêndios. "É importante também desligar o quadro geral de energia e deixar algum telefone de contato com o gestor", completou Vânia.

Os condôminos devem evitar deixar as sacadas e janelas abertas, pois, caso exista alguma escada por perto, isso facilitará o acesso a esses locais.

Segurança
Há ainda outros erros que devem ser evitados, por expor o condomínio a riscos. O primeiro deles é descumprir as normas, pois isso desestrutura o sistema de segurança.

O segundo está relacionado ao controle de acesso para a garagem. "O profissional de portaria não pode querer identificar o veículo, mas especialmente quem está dentro do veículo. E na dúvida, não abrir o portão", disse o gerente de Relações Humanas da Lello, José Maria Bamonde.

De acordo com o gerente, os moradores não se preocupam em observar o movimento das áreas internas do condomínio por meio do circuito de TV. Além disso, esquecem de verificar se há estranhos no condomínio ou se os vigilantes e o porteiro estão devidamente posicionados.

Entre outros erros, também está entrar no condomínio junto com visitantes e pedir para que o porteiro permita a entrada de alguém que ainda não tenha chegado. "As visitas devem passar sempre por um sistema de identificação, por mais incômodo que esse possa parecer", concluiu Bamonde.


CERTIFICADO DIGITAL - RÁPIDO, FÁCIL E SEGURO É CDL!


1

Dúvidas? Chame no WhatsApp